Bíblia do CaminhoAntigo Testamento

Índice Página inicial Próximo Capítulo

Êxodo   Ee

(Vulgatæ Editionis)

CAPÍTULO 21  Ee

(Versículos e sumário)

21 eis aqui as leis judiciais, que tu proporás ao povo:

2 Se comprares um escravo hebreu, ele te servirá seis anos, e ao sétimo sairá forro de graça.

3 Com o mesmo vestido com que entrar, com tal sairá; se tiver mulher, também a mulher sairá juntamente.

4 Mas se o senhor lhe der mulher, e ela lhe tiver parido filhos e filhas, a mulher e os filhos serão de seu senhor; ele porém sairá com o seu vestido.

5 Porém se o escravo disser: Eu tenho amor a meu senhor, a minha mulher e a meus filhos, não quero sair forro;

6 Seu senhor o fará comparecer diante dos deuses; e depois tendo-o chegado às ombreiras da porta, lhe furará a orelha com uma sovela, e ele ficará seu escravo para sempre.

7 Se algum vender sua filha para ser serva, esta não sairá como costumam sair as escravas.

8 Se ela desagradar aos olhos de seu senhor, a quem fora entregue, despedi-la-á; porém não terá poder de a vender ao povo estrangeiro se a rejeitar.

9 Se porém a casar com seu filho, tratá-la-á como de ordinário se tratam as filhas.

10 Mas se ele deu outra a seu filho, proverá a moça de casamento e de vestidos, e não lhe negará o prêmio da sua virgindade.

11 Se ele não fizer estas três coisas; sairá a moça livre sem dinheiro.

12 O que ferir a um homem, com intenção de o matar, de morte, morra.

13 Aquele porém, que lhe não armou ciladas, mas foi Deus quem lho entregou nas suas mãos, eu te designarei lugar a que ele se deva acolher.

14 Se algum matar a seu próximo de caso pensado, e à traição, tu o arrancarás do meu altar para que morra.

15 Todo o que ferir a seu pai ou a sua mãe, de morte, morra.

16 Aquele que furtar um homem, e o vender, convencido do crime, de morte, morra.

17 O que amaldiçoar a seu pai ou a sua mãe, de morte, morra.

18 Se dois homens se travarem de razões, e um ferir a seu próximo com pedra ou punhada, e o ferido não morrer, mas se ficar precisado a estar de cama;

19 Se ele se levantar, e andar por fora encostado ao seu bordão, ficará inocente o que o feriu; com a condição porém que ele restitua perdas e danos e as despesas feitas com os médicos.

20 O que ferir o seu escravo ou a sua escrava com uma vara, e eles lhe morrerem nas suas mãos, será culpado deste crime.

21 Mas se sobreviver um ou dois dias, não ficará ele sujeito à pena, porque é dinheiro seu.

22 Se alguns homens renhirem, e um deles ferir uma mulher pejada, e for causa de que aborte, mas ficando ela com vida, será obrigado a ressarcir o dano, que pedir o marido, e os árbitros julgarem.

23 Mas se seguiu a morte dela, dará vida por vida,

24 Olho por olho, dente por dente, mão por mão, pé por pé,

25 Queimadura por queimadura, ferida por ferida, pisadura por pisadura.

26 Se alguém ferir o olho do seu escravo ou da escrava, e os deixar cegos de um dos olhos, os deixará livres pelo olho que lhe tirou.

27 Se também deitar fora um dente ao seu escravo ou escrava, do mesmo modo os deixará ir livres.

28 Se um boi ferir com as suas pontas um homem ou mulher e morrerem, será apedrejado, e não se comerão as suas carnes; o dono do boi contudo será inocente.

29 Se o boi é já de tempos acostumado a marrar, e o dono tendo sido disso advertido, não o encurralou, e o boi matar um homem ou uma mulher, será apedrejado, e a seu dono matá-lo-ão.

30 Se se lhe permitir que rima a sua vida a preço de dinheiro, dará por ela tudo o que se lhe pedir.

31 Se o boi ferir com as suas pontas um rapaz ou uma moça, o dono estará sujeito à mesma sentença.

32 Se acometer a um escravo ou a uma escrava, pagará ao dono trinta siclos de prata, e o boi será apedrejado.

33 Se alguém abrir, ou cavar uma cisterna, e a não tapar, e nela cair um boi ou um jumento,

34 O dono da cisterna pagará o valor das bestas, e as bestas mortas serão para ele.

35 Se o boi de um homem ferir o boi de outro, e este morrer, venderão o boi vivo, e repartirão o valor, e dividirão entre si o boi morto.

36 Se porém sabia antecedentemente que o boi era escorneador, e seu dono o não encurralou; pagará boi por boi, e receberá inteiro o boi morto.



Há imagens desse capítulo, visualizadas através do Google - Pesquisa de livros, nas seguintes bíblias: Padre Antonio Pereira de Figueiredo edição de 1828 | Padre João Ferreira A. d’Almeida, edição de 1850 | A bíblia em francês de Isaac-Louis Le Maistre de Sacy, da qual se serviu Allan Kardec na Codificação.

Veja também as seguintes versões: Corrigida e revisada, fiel de Almeida; A Hebrew - English Bible — JPS 1917 Edition; La Bible bilingue Hébreu - Français — “Bible du Rabbinat”, selon le texte original de 1899; Parallel Hebrew Old Testament by John Hurt


.

Abrir