Bíblia do Caminho Testamento Xavieriano

Chico Xavier, a aurora de uma vida entre o Céu e a Terra — Autores diversos subscritos por F. Xavier.


39


Visão da luz

| 1º de agosto de 1930.


1 Nos meus dias terrenos, vendo o abismo
Pelo homem cavado em seus misteres,
Todo ébrio de efêmeros prazeres,
Repassado de túrbido egoísmo,


2 Deixo, às vezes, o mundo, os afazeres,
Afastado do triste pessimismo
E tomado de súbito otimismo
Meu olhar busca os íntimos dos seres!


4 E vejo sempre a ti, Jesus amado,
Sempre puro, qual lírio imaculado,
Enviado do amor do Onipotente!


4 Desse modo aprendi a bendizer
Meus momentos de dor e de sofrer,
Aprendendo amar-te eternamente!



F. Xavier


Citação parcial para estudo, de acordo com o artigo 46, item III, da Lei de Direitos Autorais.

.

Abrir