Testamento Xavieriano - Pinga-fogo - Capítulo 6

Bíblia do Caminho Testamento Xavieriano

Pinga-fogo — Emmanuel — Entrevistas


6


Seus 400 autores, os trabalhos de Kennedy, o forno crematório

Herculano Pires — Chico, segundo os dados estatísticos referentes à sua obra, num exame total de sua obra, você teria recebido até agora comunicações, poesias principalmente, em número muito grande e inclusive romances de mais de 400 autores. Eu perguntaria a você se leu todos esses autores, se você tem conhecimento das obras de todos eles, e se você conseguiu armazenar no seu inconsciente toda essa fabulosa bagagem de mais de 400 autores brasileiros, portugueses e alguns até de outras línguas.

Chico Xavier — As estatísticas do casal Ibsen são autênticas. Devo declarar de público que isso para mim seria impossível e peço permissão para dizer que eu tive na vida três empregos: a primeira vez me empreguei aos oito anos numa fábrica de tecidos. Trabalhei até os doze anos frequentando também a escola primária. Dos doze anos aos vinte anos, trabalhei num bar e depois num armazém, isto é, no comércio. E de 1931 a 1961 eu trabalhei durante trinta anos no Ministério da Agricultura, documentadamente. De modo que não seria possível para mim me inteirar do estilo de todos esses poetas, escritores, cronistas, jornalistas, amigos desencarnados. Absolutamente não.


.Francisco C. Xavier

.Emmanuel


Citação parcial para estudo, de acordo com o artigo 46, item III, da Lei de Direitos Autorais.

.

Abrir