Bíblia do CaminhoTestamento Xavieriano

Índice Página inicial Próximo Capítulo

Sementeira de luz — Mensagens familiares do Prof. Arthur Joviano (Neio Lúcio) e outros


142


As vibrações maléficas

17|05|1944


1 Meus filhos, que Deus abençoe a vocês, conferindo-lhes muita paz, restaurando-lhes a saúde física.

2 Segundo observam, não foram sem propósito nossas lembranças de sexta-feira última. A gripe de vocês não foi muito simples. Há mesmo, na atualidade, elementos mórbidos muito sutis na atmosfera em geral. Hora muito grave e dolorosa esta que o mundo atravessa. Todas as vibrações maléficas recaem sobre a própria humanidade, que as produz. Impossível retirar os efeitos amargos, sentindo a preponderância e continuidade das causas, igualmente amargosas. 3 Estamos informados de que há um grande esforço, desenvolvido por inteligências muito evoluídas, com a finalidade de transformar, pelo mínimo, as vibrações destruidoras da guerra, no imenso laboratório da natureza planetária. Em 1942-43, foram utilizadas as chuvas nesta parte do Hemisfério. Em 1943-44, pelo que nos informam, será utilizado o frio intenso, porque estejam certos de que as missões coletivas de ódio, vingança, perseguição, pilhagem, desespero, enfermidade e morte criam nos infinitos reservatórios atmosféricos verdadeiras culturas de venenos sutis, mais especificamente definidos por “larvas potenciais”, que é preciso combater com todos os recursos ao nosso alcance. Vamos ver em que fica o paciente e penoso esforço da Espiritualidade. 4 Mesmo assim, e apesar do grande trabalho de benemerência das forças invisíveis consagradas ao bem cristão, que vêm inspirando notáveis realizações médicas no concerto das comunidades anglo-americanas, somos de opinião que a gripe trará muitas contrariedades e sofrimentos a todos. Esperemos, porém, na Misericórdia Divina.

5 Será útil, Maria, que você faça os gargarejos com água morna iodada. É indispensável no tratamento às zonas levemente feridas da garganta. Durante algumas semanas, use o Cloreto de Cálcio. Seu organismo tem necessidade dessa providência.

6 Wanda poderá continuar sob medicação homeopática e, em seguida, poderá usar as injeções — pelo menos duas séries de seis — de Gluconato de Cálcio Merk, por exemplo.

7 Quanto a você, Rômulo, pode confiar na água fluidificada, através da qual muito tem recebido a sua saúde, usando, porém, o Nux-Vomica, do costume, e um vidro de Pulmonina. É um preservativo excelente contra os resfriados tendentes a incomodar os órgãos respiratórios.

8 Agora trouxemos a vocês todos alguns recursos em passes espirituais. São remédios invisíveis a vocês, mas são eficazes. Que Deus nos ajude a vê-los restabelecidos, por completo, em poucos dias.

9 E por hoje, meus filhos, é só, o que não acho pouco, porquanto se encontram ainda com necessidade de repousar um tanto mais cedo para melhor “aclimatação dos remédios em uso no laboratório celular” — o que é importante, embora constitua princípio estranho à medicina comum da Terra.

10 Estamos velando em tudo o que nos é possível em benefício de nossa devotada irmã Aurélia, em lutas tão ásperas nos tempos que correm. Jesus a fortaleça no círculo redentor das provas purificadoras. Só o Mestre possui bastante luz divina para comunicar o fogo sagrado da fé viva ao coração humano colhido pelas tormentas da luta. Esperemos nele e confiemos em seu divino amor.

11 Que Deus abençoe a vocês, concedendo-lhes muita paz espiritual, são os votos do papai e do vovô que lhes deixa um abraço muito afetuoso.


A. Joviano


Citação parcial para estudo, de acordo com o artigo 46, item III, da Lei de Direitos Autorais.

.

Abrir